sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Izaias e o desprezo pelo Poder Legislativo

O prefeito deve compor seu secretariado com os melhores talentos disponíveis.

Patrícia Juliane é um bom talento, mas o prefeito eleito se esquece de sua indisponibilidade.
O eleitor a escolheu vereadora !
A vontade do eleitor é superior à vontade do prefeito !
Péssima decisão de um futuro prefeito que pode se revelar um péssimo prefeito !
Existe um erro de pressupostos neste convite muito claro !
1) O prefeito mostra falta de pessoas para compor sua equipe de primeiro escalão !
A partir disso, mal pode esperar o eleitor a deficiência de talentos com que os demais cargos comissionados serão preenchidos.
2) Contemplar um serviço de cabo eleitoral de luxo a que ficaram reduzidos os candidatos a vereador durante a campanha.
a) Patrícia se torna secretária
(melhor a Patrícia secretária do que o Aderbal gerente de alguma coisa ?)
b) Aderbal, o primeiro suplente, se torna vereador
Assim, se evidencia mais uma conveniência eleitoral do que priorizar a qualidade técnica da gestão municipal.
Popularidade à parte, o Poder Legislativo carece de pessoas preparadas para o debate.
Aderbal foi candidato muito bem votado pelo PSD na eleição anterior (2012) e assediado para ser candidato pelo PSDB nesta eleição (2016).
Alguém se lembra o PSD ? Alguém afirma ser o PSD um partido sério ?
Aderbal é uma pessoa querida ! Foi bem votado independente de partido !
É isso que o prefeito eleito quer afirmar como gestor e professor universitário de Direto, que partido é uma instituição irrelevante ?
O que existirá a mais do que um desprezo revelado pelo Poder Legislativo por parte do Izaias ?
Digo desprezo porque o Izaias é o tipo da pessoa que erra por má-fé, pela simples razão que é inadimissível que o professor universitário de Direito não consiga perceber que no Estado Democrático de Direito é o Poder Legislativo o responsável pela legislação vigente!
Quanto melhor o preparo acadêmico do vereador (por que o Izaias seria professor se não acreditasse nisso ?) melhor é a expectativa do zelo dos parlamentares ao apreciarem as Leis, inclusive as de iniciativa do Executivo.
Desejaria o Professor Izaias legislar sozinho a partir de seu trono executivo ?
Certamente, quem seria melhor preparado do que ele em assuntos jurídicos ?
Por que, então, não se ofereceu a ser membro do Legislativo ?
A única razão que posso considerar é: desprezo !
Jacareí elegeu um príncipe !
É a vez de Jacareí, após 20 anos de difamação (graças a omissão de sua antiga equipe em defendê-lo) , de que o menos errado do governo BSL era o próprio BSL.
A antiga equipe do BSL ocupa o poder e começa equivocada antes de se sentar no trono.

Hy Ho !

Nenhum comentário: