sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Ops...posição frágil

Quem está acostumado com a eleição compreende a hegemonia do grupo que comanda Jacareí há mais de 30 anos.
O ex-prefeito Thelmo perdeu a eleição no ano 2000 e o grupo Thelmo continuou no governo por 16 anos capitaneados por Davi Lino e Pedro Orlando.
Numa política feita e pensada por comissionados tudo o que você possivelmente sabe sobre política foi pensado por comissionados para proteger os interesses dos comissionados.
500 comissionados com 100 votos de cabresto cada 1 (quem não encabresta voto não tem chance de ser comissionado) é um universo de 50 mil votos.
O prefeito é deles e ninguém tasca! Vale lembrar que a principal função do prefeito é nomear comissionados. Quem duvidar disso, desafio mostrar algo além disso feito pelos prefeitos de Jacareí.
E a oposição de Jacareí ? Todos esperançosos em eleger um prefeito diferente!
Com tantos candidatos a prefeito pela oposição nos dá a sensação de que seja possível.
É o velho truque! A oposição dispersa os votos e os comissionados concentram votos. Resultado: sempre é eleito o candidato dos comissionados.
A oposição só tem uma chance de contribuir com o Município: elegendo vereadores que fiscalizem a prefeitura. Faz isso ?
Apontar buracos de rua é o máximo que a oposição consegue fazer !
Por que?
Por que não se discute a sobrecarga de veículos nas vias públicas?
Porque a solução não é imediata e também não é nada popular.
De açucarados paliativos, em vez de remédios necessários porém amargos, vai-se definhando a oposição junto com a cidade que padece.
Quanto à oposição as chances são de eleger 4 ou 5 vereadores.
Tolo quem acreditar que a chapa PR+PMDB dos fisiológicos Gaiola e Gaiolinha é oposição.
Quem apostar no PSDC (do Amagai, corretor de imóveis) deverá se contentar com o precário Valmir apontando buracos pelo Município.
Quem apostar no PSDB+PSC poderá eleger 1 vereador e este poderá ser o atual vereador Fernando da Ótica ou o Formigão (se arrastar os votos do irmão Diobel, corretor de imóveis).
De outros partidos quem poderá se eleger ?
Haverá fôlego ou estão ali para baterem na trave e passarem 4 anos se justificando com a cantilena do ‘a gente tentou, mas não deu certo’ ?
O governo planeja eleger 9 vereadores como já elegeu em 2012 e para isso conta (quem sabe patrocina) a fragilidade da oposição.
Oposição com partidos de Comissão Provisória não é confiável.
Ainda mais se a cúpula for preenchida por corretores de imóveis.
Quer saber o motivo? Quem já se deparou com a burocracia da prefeitura entenderá com mais facilidade.
Imagine, se a prefeitura não liberar novos loteamos não existe nada para as imobiliárias venderem. Simples assim!
Depois, rolam várias miudezas que podem prejudicar as transações. Quem lembra do caso Jamil e o bem-bolado com a servidora da prefeitura ?
No mais, saindo do balcão e entrando na arena precisamente política...
Não foi o PSD do Valmir (oposição e do corretor de imóveis Kan Kan) tirado na base da canetada e entregue para o governo ?
O prefeito com a chave do cofre convence qualquer deputado a desmantelar a Comissão Provisória na hora que bem quiser.
Por isso, chamo a atenção para que o eleitor prefira partidos com Diretórios.
Se não for a garantia de mais acertos, pelo menos, é a certeza de menos erros.

Hy Ho !

Nenhum comentário: