sábado, 6 de junho de 2015

Deus seja louvado

Paitrão, paitrão, o seu filho...

O que aconteceu ?

Calma, paitrão, a Boa Nova é que ele está melhor

Como está a febre ?

A febre abaixou faz tempo

Quanto tempo ?

Era mais ou menos sete horas da noite, faça as contas

Deus seja louvado !

Amém, amém, paitrão, assim seja !

Essa foi a hora que conversei com ele

Ele quem, paitrão ?

Lembra do casamento ?

Lembro sim...todo lugar que a gente vai
sempre alguém comenta sobre a água que virou vinho

Foi com Ele que falei... a mesma pessoa que fez tal prodígio
Pedi para que viesse comigo, mas ele disse para eu não me preocupar
porque o garoto já estaria melhor.
Insisti, explicando que meu filho estava pela morte e
sendo eu oficial do rei poderia recompensá-lO de toda maneira possível

Paitrão, conta mais

Foi na mesma hora que você disse que a febre abaixou

Paitrão, conta mais

Engraçado, não há mais o que contar..Ele simplesmente
perguntou se eu acreditava que a cura iria acontecer
Também pareceu um pouco desapontado ao dizer que
haveria muitos  prodígios...

Ele cobrou ?

Não

Paitrão, isso que é milagre...
um médico que não cobra consulta

Agora não é hora de fazer troça...

Desculpe, paitrão, não foi minha intenção
é que com tanta felicidade junta
a gente não consegue segurar a língua

Nenhum comentário: