domingo, 19 de outubro de 2014

Verdadeiros adoradores

 Existe um lugar santo em que Deus nos ouve e vê melhor que em qualquer outro lugar ?
Quem acredita que existe está jogando Deus no lixo !
Se Deus é onipresente (está em todos lugares), onisciente (sabe de tudo) e onipotente (pode tudo) é um absurdo acreditar nesta besteira.
Para que serve um templo ? Para as pessoas se reunirem sem tomar chuva, torra...r a moleira no sol e não comer poeira quando venta.
É um lugar que merece todo o respeito de todos como qualquer outro lugar, só isso !
Onde devemos adorar ? Em Samaria ou em Jerusalém ?
Jesus disse no capítulo 4 do Evangelho de João que os verdadeiros adoradores adoram Deus em espírito e verdade e que anseia pelo dia em que as pessoas entenderão isso !
Escândalo : um judeu conversando com um samaritano. Que judeu é este ?
Deixa que a beata e o diácono respondem em coro: "Tinha que ser ! Sempre ele ! Jesus estava conversando com a mulher que retirava água do poço, que além de ser samaritana já teve 5 maridos e agora vive com um homem sem estar casada. Sei a boa samaritana que a fulaninha é... O pior é que aquele cara-de-pau de Jesus sabia de tudo porque foi ela mesma que saiu falando para todo mundo na vila que o tal do profeta tinha adivinhado as coisas lá sobre a vida dela. Profeta desavergonhado desses, coitado de quem cair no papo do sujeitinho. Não é que até os discípulos dele ficaram com vergonha e sem jeito ! Cê pensa que acabou por aí? Que nada ! Jesus ainda ficou uns 2 dias com os samaritanos. Dizem que as conversas era sobre Deus. Deixa Deus saber disso !"
A desavença entre judeus e samaritanos é em nome da equivocada ideia de "religião". Mais uma vez o Evangelho mostra os males da idolatria e da vaidade.
Todos, descendentes de Jacó, vivendo as mesmas dificuldades e sem capacidade de se entenderem porque, apesar de acreditarem no mesmo Deus, os sacerdotes de Jerusalém plantaram a convicção nos fieis que Jerusalém é mais importante que Jerezim e que só no templo dos judeus é que podem ser feitos os sacrifícios.
Isso porque o profeta já havia dito: misericórdia quero e não sacrifícios.
O Evangelho é um movimento de libertação da cegueira imposta pelos sacerdotes, que só possuem prestígio e poder porque os inocentes ainda estão presos à idolatria e à vaidade.
Quando chegará o dia dos verdadeiros adoradores para a alegria de Deus e de todos ?
Não podemos confundir amor com expressão de amor e adoração a Deus com submissão aos padres e pastores.
Foram os padres e pastores que crucificaram Jesus e não os soldados romanos ou o povo judeu.
Se Jesus não fosse difamado pelos fariseus (grupo de sacerdotes com poder político) e lançado num julgamento forjado (Jesus foi considerado inocente por Pilatos e Herodes, os fariseus que insistiram na sua condenação) o povo judeu não teria que escolher entre dois condenados e os soldados romanos não o crucificariam.
A vida de Jesus é a mais clara denúncia que a "religião", tal como os padres e pastores promovem atualmente, é a maior violência contra Deus.
Sejamos adoradores em espírito !
Amor é fundamental

Nenhum comentário: