domingo, 19 de outubro de 2014

Quem não crê já está condenado

As palavras são a roupa de uma ideia e o seu fiador é o gesto.
Não precisamos condenar o que já está condenado !
Heresia ou blasfêmia não é zombar de Deus (Deus teve compaixão de Jó: mais impropérios que Jó lançou sobre Deus impossível) e sim se colocar no lugar Dele na condição de juiz.
Nenhum livro possui mais valor que a vida, idólatra. Nenhum jui...z é mais sábio que o Criador, vaidoso.
Não há porteiros no Reino dos Ceus e quem reivindica esta autoridade para si é um imbecil escroto.
Quem organiza fila e oferece ingressos para o Reino dos Ceus é um vendilhão do templo, isto é, um imbecil escroto.
O Reino dos Ceus é um estado de Graça e é óbvio que quem não crer nisto jamais terá esta experiência.
Esta é a condenação !
Quem se recusa a tomar sopa jamais saberá o sabor que ela tem e achará loucura os comentários de felicidade de quem a tomou.
Como explicar um estado de Graça ? Impossível !
Aprovação social é diferente, cada grupo possui seus códigos de conduta e cada cultura valoriza comportamentos para a sua autopreservação !
Cultura e condicionamento social não podem ser confundidos com religião.
"Meu reino não é deste mundo !" : disse Jesus. Ao nosso mundo Ele veio para salvá-lo e não para condená-lo.
Só nos libertaremos quando conhecermos a verdade e, para nossa felicidade, o Evangelho está a um clique de distância apenas.
Amor é fundamental

Nenhum comentário: