quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Anedotas e Paranóias

Eleger a Mesa Diretora pode parecer importante e é!

Embora a população não se atente a isso, mas todo o funcionamento Político e Administrativo-Estratégico depende do Trio Parada Dura. É a Mesa que conduz os trabalhos em Plenário!

E é o Presidente da Câmara a autoridade de maior prestígio numa Democracia e portanto, se relaciona de forma imediata com o Executivo.

Por isso, ser Presidente da Casa ou membro da Mesa se parece com a corrida do ouro e é!

Posiciona melhor os Partidos, ganha-se mais espaço na mídia e numa Casa com Sessões televisionadas como a nossa adentra-se, com destaque, nos Lares de nossos Munícipes.

São ou não são uns belos e bons motivos?

Pois é, por conta disso, a parte mais engraçada é quando os dirigentes partidários nos "recomendam" (as aspas são devidas às "sugestões" que, de acordo com a nossa cultura autoritária, não devem ser desprezadas) que passemos a noite em hotéis distantes com o objetivo de ficarmos incomunicáveis...para que não soframos o assédio de blocos adversários ou de quem quer que seja que queira incomodar o que já foi acomodado.

De minha parte a anedota se revela no Revellion! Passarmos a Confraternização Universal isolados de nossos amigos e familiares, pessoas queridas, porque nós, políticos, não confiamos um no outro?

Risos trágicos ao absurdo absoluto!

Se abusar nem no banheiro você consegue ir sozinho!

Passei o Revellion com amigos e familiares, afinal, era a primeira vez que eles celebravam o ano Novo com um vereador.



Hy Ho!

Nenhum comentário: